Futebol Brasileiro

Grêmio e Cruzeiro são denunciados no STJD por cânticos discriminatórios de torcedores

Raposa corre o risco de perder três pontos na competição. Ambos os clubes podem receber multa de até R$ 100 mil

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Cruzeiro e Grêmio se enfrentaram no dia 8 de maio I Foto: Fernando Moreno / Gazeta Press

Cruzeiro e Grêmio se enfrentaram no dia 8 de maio I Foto: Fernando Moreno / Gazeta Press

A Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) denunciou Cruzeiro e Grêmio por infrações na partida do dia 8 de maio, no Independência, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Os clubes responderão por cânticos discriminatórios entoados por torcedores, enquanto o Cruzeiro ainda será julgado pelo arremesso de objetos no campo.

O Tricolor denuncia que torcedores do Raposa cantaram: "Arerê, Gaúcho dá o c* e fala tchê". Já o clube mineiro denuncia a ação de torcedores da equipe gaúcha que entoaram o cântico em coro: "Maria joga vôlei".

O Cruzeiro foi denunciado no artigo 243-G, parágrafos 1º e 2º, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê a perda de três pontos caso o ato discriminatório seja praticado "simultaneamente por considerável número de pessoas vinculadas a uma mesma entidade de prática desportiva". O clube mineiro também pode receber multa de R$ 100 a R$ 100 mil pela denúncia no artigo 213, que trata de "não prevenir e reprimir o arremesso de objetos no campo".

Já o Grêmio só foi denunciado no parágrafo 2 do artigo 243-G, por isso não corre risco de perda de pontos. O clube gaúcho pode receber multa de até R$ 100 mil e ter seus torcedores suspensos.

Comentários