Futebol Brasileiro

Emerson Sheik dispara: 'Se passar pelo Palmeiras, Flamengo é favorito ao mundial'

Jogador campeão brasileiro pelo Flamengo dá palpite sobre final da Libertadores e já pensa em Mundial

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Emerson Sheik em sua segunda passagem pelo Flamengo, em 2015(2015 Getty Images)

Emerson Sheik em sua segunda passagem pelo Flamengo, em 2015 | 2015 Getty Images

De Libertadores e Mundial de Clubes, Emerson Sheik entende. Em 2012, o atacante foi um dos destaques dos dois títulos pelo Corinthians, quando o Timão derrotou Boca Juniors e Chelsea, respectivamente. Na competição sul-americana, inclusive, o atleta decidiu, marcando dois gols na final.

Vendo outro ex-clube na final da Libertadores, o Flamengo, principalmente contra o Palmeiras, maior rival do Corinthians, Emerson deu o seu palpite sobre a final, e foi além. Segundo ele, em entrevista exclusiva à TNT Sports, o clube carioca é favorito ao título mundial, que seria, provavelmente, contra o mesmo Chelsea que ele derrotou pelo alvinegro paulista.

 Os números vão aumentando, permanecendo e as rodadas vão diminuindo. Lembrou de 2009. Hoje o Flamego tem muito mais time que 2009. Eu continuo acreditando no título brasileiro do Flamengo. Flamengo, se passar pelo Palmeiras, chega como favorito para o Mundial. Não é loucura. Eu acho que o Flamengo passando o Palmeiras, é favorito. Não é o torcedor falando. Inclusive essa entrevista vai se repetir várias vezes. Se o Flamengo ganhar, vai chegar no Mundial como favorito. E vencendo, essa entrevista vai rodar muito.

Além de dar sua opinião sobre o Mundial, ele relembrou o título brasileiro de 2009, do qual fez parte ao jogar um pedaço da temporada com a camisa rubro-negra. Ele comparou aquela edição com a atual para alegar que o clube ainda pode alcançar o líder Atlético-MG e buscar o tricampeonato. 

Sheik voltou a falar sobre o confronto do Rubro-Negro contra os palmeirenses e afirmou que o time carioca é superior ao rival. Ele ressaltou o entrosamento do time, além de ver os flamenguistas com 'mais time'.

"Pra nós é perigoso e tenho um lado torcedor. Sou 100% Flamengo e não é clubismo. Fora o momento ruim do Palmeiras acho que o Flamengo tem mais time, não mais elenco, não quer dizer que tem menos, mas tá mais entrosado, os atletas sabem onde receber a bola", explicou o ex-atacante.

Falando sobre o Corinthians, time em que fez história, Sheik destacou a evolução do clube e disse que com as peças que chegaram essa temporada, o Timão é hoje, no mínimo, a segunda melhor equipe paulista. 

"Na verdade o Corinthians tem muitos nomes bacanas, mas com a chegada de alguns jogadores eu colocaria o Corinthians agora na frente do São Paulo. Não tem como comparar com o elenco do Palmeiras, o investimento é maior. Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos. Vale lembrar que é o regional mais forte do Brasil e penso que o Corinthians faça o time jogar, o time andar. Não vejo o Corinthians com uma defesa sólida, um jogador de área. Hoje tá bem nítido! Quando a gente vem pro lado de cá é horrível", disse o ídolo da Fiel.

Sobre o técnico Sylvinho, ele deu dura declaração, onde disse que o treinador não consegue tirar nada dos atletas corintianos.

"Às vezes a gente tem que falar e quem tá do outro lado não entende. Sylvinho é uma pessoa incrível, um lord, um baita treinador, pra ser um dos maiores. Futebol mais uma vez são números e Sylvinho não vem fazendo o time do Corinthians jogar. Luan, que não vem dando uma apresentação bacana e agora chegou contratação, mudou. Porém, o que me parece é que o Sylvinho não consegue mais tirar nada desses atletas. E gostando ou não eu preciso dar a minha opinião. Isso não quer dizer que ele não vai servir depois em outros clubes, pelo contrário", completou Sheik.

Além de Flamengo e Corinthians, ele também defendeu São Paulo, Fluminense, Botafogo e Ponte Preta no Brasil. Fora do país, ele jogou pelo Al-Sadd, Rennes e Al-Ain, além de times do futebol japonês, como Consadole Sapporo, Kawasaki Frontale e Urawa Red Diamonds.

Comentários